Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

Notícias e eventos

27
Agosto 2012

Asa Sul tem mais de 200 lojas fechadas

Todo o comércio da Asa Sul tem hoje mais de duzentas lojas fechadas em razão de vários fatores. O principal deles é o alto custo dos aluguéis, que variam quadra a quadra. O reajuste dos aluguéis chega a 65% em alguns caos. Somente a Avenida W3 Sul apresenta 62 lojas desocupadas.

Levantamento feito pelo Sindicato do Comércio Varejista do DF – Sindivarejista – indica que na principal avenida de Brasília é a quadra 512 que tem um maior número de imóveis sem ocupação: 11.
Depois, aparecem a 506 (8 lojas), a 511 (6), 509 (6) e 515 (5).

O presidente do Sindivarejista, Antonio Augusto de Moraes, explica muitos imóveis comerciais aguardam a passagem do ponto e, portanto, novos inquilinos.
Ele diz, ainda, que um dos problemas da W3 Sul é o desvirtuamento de imóveis destinados a lojas que hoje são templos religiosos.
Ocorre algo semelhante com escritórios que viraram quitinetes no andar de cima das lojas.

Comerciantes argumentam que um dos fatores do esvaziamento da W3 Sul é a falta de estacionamento.
O presidente do Sindivarejista cita, também, a paralisação da construção do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT).
Abandonada, a obra provoca congestionamentos diários entre a 513 e 516 Sul.

ENTREQUADRAS

A entrequadra comercial 304/305 conta hoje com seis lojas fechadas, a maioria, para passar o ponto que vale acima de R$ 200 mil. A 310 Sul tem sete lojas desocupadas e a 311 Sul, duas.
A 114 Sul contabiliza três estabelecimentos sem uso, a 313 Sul, cinco, mesmo número da 314 Sul.

Mais notícias e eventos

Nossa localização

Receba nossos boletins por e-mail